Resenha: One-Shot Shunkaden (CLAMP).

Depois de muito tempo desaparecido, aqui estou eu de volta trazendo uma breve resenha do que achei do one shot CLAMP “Shunkaden” que foi publicado pela editora NewPop. Espero que vocês gostem do texto ….

Nome: Shunkaden

Autor: CLAMP

Gêneros: Ação, fantasia, histórico, romance, sobrenatural

Formato: 12,7 x 18,9 cm, aprox. 225 páginas

Acabamento: Off-set 90g

Preço: R$14,90

Volumes: Volume Único

Sinopse: Há muito tempo… havia uma garota muito bonita chamada Chun Hyang. Ela se apaixonou pela primeira vez por um yangban (nobre) chamado Mong Ryong, superando a diferença social e tendo seu amor correspondido. Mesmo ficando separados, mesmo que outros se declarassem a ela e ela fosse presa por rejeitá-los, Chun Hyang continuava a amar somente Mong Ryong…

Essa é uma antiga história de amor contada na Coréia. Chun Hyang é considerada uma mulher fiel e ainda hoje, é admirada pelas pessoas. Porém… Esta Chun Hyang é “um pouco” diferente.

Comentários: Esse mangá ele é uma faca de dois gumes, ele me agradou bastante mas ao mesmo tempo ele me deixou bem decepcionado, principalmente por ser um one shot CLAMP então eu esperava bem mais.

Bom, Shunkaden irá fazer a reconstrução de uma lenda antiga muito conhecida na Coréia. Esse fator de cara já desperta a curiosidade do leitor em querer saber mais sobre essa historia de amor que é lembrada até hoje. Os personagens da trama CLAMP são bem carismáticos e muito bem desenhados como já era de se esperar.

A trama ocorre em um país chamado koryo, que tem cerca de 300 vilarejos e cidades. Todos esses vilarejos e cidades são supervisionados pelo governo principal Chun-An.

Esse governo envia um nobre chamado de Yangban, para administrar cada vilarejo e cidade. No Total, são 321 Yangbans. Eles são enviados pelo governo Central para administrar essas terras por 10 anos. O Objetivo dos Tangbans é trazer progresso a esses vilarejos e cidades, representando Chun-An. Contudo, era de se esperar que  entre 321  deles, houvessem aqueles que são bons e aqueles que não.

A personagem principal é a Chun Hyang que é uma garota de quase treze anos, muito cheia de energia e que em seu vilarejo é conhecida por toda a sua força e coragem. Chun Hyang é filha de Myeong Hwa que é uma conhecida Shimbang do vilarejo (Shimbang é uma especie de bruxa, feiticeira), e só Myeong Hwa sabe quem é o pai de Chun Hyang. A problematização no mangá se inicia devido a insistência do Yangban do vilarejo em ter relações sexuais com Myeong Hwa, insistindo ao ponto de gerar uma grande tragedia.

Outro personagem que tem bastante destaque é o Mong Ryong, que é um Am-Hang-Osa que tem a função de investigar a administração de Yangbans corruptos e punilos. Ele é um personagem super carismático e maduro e em cada capítulo do mangá ele deixou bem claro que não surgiu ali por acaso, que tem um grande segredo é que esse segredo é relacionado a jovem Chun Hyang.

Até ai tudo bem, a historia tem um ótimo contexto e consegue fluir muito bem. Porém Shunkaden não tem estrutura para ser um mangá de volume único com poucos capítulos. A trama acaba sendo concluída cheia de furos, deixando várias questões sem resposta. A medida em que fui lendo, a certeza de que a historia daria uma grande jornada só foi aumentando ainda mais, no final o mangá se encerra com aquele sentimento de que teria mais capítulos. E foi decepcionante ver que tinha se encerrado ali.

O mangá tem uma historia bem construída, com personagens cativantes e com cenas bem tocantes, deixando em evidência a importância da amizade e laços de fraternidade, bem além de um simples romance. Mas ao mesmo tempo Shunkaden deixa a entender que foi uma obra que foi iniciada porém abandonada pela metade, porque claramente dá pra perceber que a historia tem bem mais a oferecer.

Edição:

Sobre a edição Brasileira, que foi publicada pela editora New Pop. Eu não tenho do que reclamar, ficou excelente. A edição ficou bem caprichada, com papel de qualidade e boa tradução. Além de que o mangá em si tem uma beleza natural que é inegável por ser uma arte CLAMP.

Vale a pena comprar?

Na minha opinião vale a pena sim ter em sua coleção esse mangá, apesar dos contras com relação ao termino da historia. Ele possui personagens muito cativantes e uma ótima mensagem, além de que tem aquele traço maravilhoso CLAMP que faz total diferença.

Nota: 5/4

Mas e ai galera, vocês já conheciam esse titulo? O que acharam da leitura? Compartilham da mesma opinião? Deixem seu comentário, vamos trocar uma ideia. O comentário de vocês é engrandecedor para o blog.

YouTube:

Tem vídeo Review de Shunkaden no nosso canal do YouTube, venham conferir. Além do vídeo ter ficado bem legal, tem mais alguns comentários adicionais lá.

Escrito por: Eduardo Mateus.

Anúncios

4 comentários sobre “Resenha: One-Shot Shunkaden (CLAMP).

  1. Anatomia do meu coração disse:

    Aaaahhh eu estava ansiosa para saber mais desse mangá!😍 Essa capa é linda,os traços também e como você disse, parece realmente muito bom! Peninha que teve questões que não tiveram respostas…isso dá um “coiso” no coração, né? Amei a resenha! E super quero ler!!

    Abraços, Vivi @anatomia.do.meu.coracal

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s