Resenha: Mangá Ajin

Olá pessoal tudo bem :D? Hoje trarei para vocês a resenha do Mangá Ajin, criado pelos mangakás: Sakurai Gamon e Miura Tsuina, espero que gostem ^^

Aviso: Usarei algumas imagens do Anime para a resenha, porque é difícil achar imagens do mangá na internet.

Ano de lançamento: 2012 (Mangá) 2016 (Anime)

Número de volumes: Ainda em andamento

Número de episódios: 2 Temporadas divididas em 12 episódios e 3 filmes

Gênero: ação, mistério, terror, sobrenatural, seinen

Autores: Sakurai Gamon (História e Arte), Miura Tsuina (História)

Estúdio de Animação: Polygon Pictures

Classificação: +18 anos

“ Ser imortal, significa que você é um humano? Ou um monstro? “

Sinopse

“ Ajin “ é o nome dos seres humanos que não conseguem morrer, descobertos a dezessete anos atrás durante um conflito na África. No entanto após a primeira aparição, mais Ajins começaram a aparecer no mundo entre as grandes cidades no meio das grandes multidões. Com a grande fama gerada, o governo mundial decide por uma grande recompensa a qualquer um que conseguir capturar um Ajin, no entanto sobre o que o governo faz com os Ajins ainda é desconhecido. Agora nos dias atuais quem poderia imaginar que um certo estudando do colegial que tem o objetivo de se tornar médico poderia ter sua vida mudada após um infeliz acidente, onde claro não morreu.

Personagens

Ajin possui um excelente número de personagens muito bem-criados e desenvolvidos, vamos falar agora daqueles que tem parte fundamental na obra.

Kei Nagai

Kei Nagai é o protagonista principal da obra, após um terrível acidente cuja foi visto por várias pessoas, ele acaba descobrindo que é um Ajin e tem sua vida mudada drasticamente, agora vendo o mundo todo como o seu inimigo o que ele fará para sobreviver? Ou melhor para escapar?

Kaito

Kaito é um antigo amigo de infância de Kei, onde está disposto a ajuda-lo não importa o que seja, agora vendo que seu antigo amigo é um Ajin e se encontra numa situação desesperadora o que ele fará para ajudá-lo?

Satou

Satou é um Ajin considerado um “ terrorista “ por conta de suas ações contra os humanos tirando várias vidas, agora com o surgimento de Kei o que fará Satou com o jovem Ajin?

Kouji Tanaka

Tanaka é o segundo Ajin a aparecer e ser capturado no Japão, no entanto foi solto por Satou e decide ajuda-lo em seus planos contra os humanos.

Tosaki Yuu e Shimomura Izumi

Tosaki é um membro de ranking alto no ministério da saúde cuja também trabalha nas pesquisas referentes aos Ajin, quando o terceiro Ajin apareceu, no caso Kei Nagai, Tosaki logo desperta um grande interesse por ele e tenta ao máximo captura-lo.

Izumi é sua assistente e está sempre ao seu lado, no entanto possui um pequeno segredo que só ele sabe.

Nakano Kou

Nakano é um jovem Ajin que busca tentar impedir Satou com seus planos contra os humanos.

IBM

Os IBM, mas conhecidos como ” Os Fantasmas Negros ” são manifestações geradas e controladas somente pelos Ajins, não se sabe muito sobre eles, porém só se sabe que são praticamente invisíveis aos humanos e só podem ser derrotados por outros IBM.

Formato do Anime

Diferente das animações que todos estão acostumados, Ajin possui uma animação feita em CGI, no entanto um CGI muito bem feito.

As expressões faciais dos personagens, lugares, movimentação, tudo foi muito bem feito para o anime, sem falar que a coloração dos personagens também é muito bonita.

De começo a pessoa pode até achar estranho, mas com o passar do tempo logo se acostuma a esse formato de Animação.

Formato do Mangá

Ajin é um mangá que possui um desenho muito bonito e bem detalhado.

No começo do mangá o desenho já se mostrava bonito com detalhes ótimos nos personagens, roupas, locais, etc., porém com o desenrolar do mangá, o desenho evoluiu de uma forma muito mais bonita e mais detalhada principalmente na expressão no rosto dos personagens, tanto que os locais e pessoas ao redor dos personagens principais ganham um detalhe muito realista e muito mais vivo.

Em geral a arte de Ajin é de tirar o folego de tão bonita que é.

Brasil e Curiosidades

(capa brasileira)

Ajin foi lançado no Brasil em julho de 2016 tendo o formato por 13, 7×20 (O mesmo de One Punch Man), custando mais ou menos 18$.

Ajin teve no total três filmes compilados contando um arco do mangá em cada filme.

Tanto o último filme, tanto a segunda temporada do anime tiveram finais diferentes do mangá, sendo que o mangá continua sendo publicado até hoje.

O anime e o mangá de Ajin possuem diferenças na aparência dos personagens e também em certos acontecimentos.

Foi anunciado que Ajin terá um live action em 2017.

Conclusão

Ajin é um mangá simplesmente ótimo, ambos o mangá e anime possuem as suas diferenças, no entanto ambos são muito bons em vários aspectos, como a historia, personagens, enredo, os desenvolvimentos individuais de cada personagem, o relacionamento de cada um e claro os acontecimentos que acontecem na obra.

Em termos gerais Ajin vale muito a pena ser lido e assistido.

Espero que tenham gostado e que possam conhecer essa obra incrível chamada Ajin 😀

Escrito por Ghoul.

Bonus: Para quem quiser eu fiz uma review rápida e simples do volume 1 de Ajin 😀

Anúncios

Um comentário sobre “Resenha: Mangá Ajin

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s